UFC e Litecoin: Criptomoeda patrocinará último evento do ano

O evento acontece neste sábado, dia 29 de dezembro (Foto: Divulgação)

A Fundação Litecoin e o Ultimate Fighting Championship (UFC) fecharam uma parceira para o evento deste sábado (29), o UFC 232 que acontece em Los Angeles na Califórnia (EUA). O logotipo da litecoin será exibido no telão da arena The Forum, em Inglewood, palco da apresentação.

“Estamos muito animados para anunciar que a litecoin é a criptomoeda oficial do UFC 232: Jones vs Gustaffson 2”, diz um trecho do comunicado publicado nesta quinta-feira (27) no site da Fundação.

O acordo, segundo a nota, é para promover a criptomoeda — que hoje é a 8ª entre as criptomoedas, com um valor de mercado de US$ 1,8 bilhões, segundo dados do CoinMarketCap.

A Fundação disse que os “milhões de telespectadores” em grandes eventos ajudariam a aumentar a conscientização global e atrair mais pessoas tanto para a criptomoeda quanto para o setor.

Um trecho do texto diz:

“O logotipo da Litecoin exibido na tela do UFC pode despertar interesse e estimular o engajamento de pessoas de todas as camadas sociais que nunca ouviram falar de Litecoin ou criptomoeda antes”.

No entanto, objetivo não é só promover o litecoin nesse evento, a Fundação espera continuar a parceria com o UFC no longo prazo.

A instituição argumentou que existem várias razões pelas quais eles acham que faz sentido para a Litecoin entrar no octógono mais famoso do mundo.

Uma delas é a semelhança nas histórias de ambas empresas. Ela contou que nos últimos 25 anos, o UFC evoluiu de uma pequena organização a um fenômeno global e que grande parte da comunidade é extremamente apaixonada.

“Vemos muitas semelhanças com o Litecoin dessa forma, já que nossa incrível comunidade tem sido fundamental para o nosso crescimento, uma paixão e um entusiasmo inabaláveis ​​que nos impulsiona”, diz a Fundação.

Um marco para o mercado cripto

A Fundação Litecoin trata a parceira como “um marco para o mercado cripto”, já que nenhuma outra criptomoeda patrocinou um evento do UFC até hoje.

Ela acredita que se as marcas e instituições continuarem apoiando as criptomoedas e a tecnologia blockchain, logo o novo mercado estará no mainstream.

Lutador promoveu a Dash

Em janeiro deste ano, o lutador canadense Rory MacDonald também fechou um acordo de patrocínio, o que o levou a usar roupas esportivas com o logo da Dash no Bellator, segunda maior empresa do setor.

MacDonald já atuava na cena das criptomoedas desde 2014, quando seu treinador, Firas Zahabi, o introduziu pela primeira vez ao bitcoin.

O patrocínio foi aprovado pelos master nodes da rede Dash e as doações alcançaram 320 DASH, no valor de cerca de US$ 271 mil na época.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil
Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br