Segunda maior exchange do mundo deixa de negociar 38 criptomoedas

(Foto: Shutterstock)

A exchange chinesa de criptomoedas OKEX, segunda maior do mundo pelos dados do CoinMarketCap, anunciou na última terça-feira (27) o terceiro lote de exclusão de pares de negociação em sua plataforma.

O motivo alegado para a ação é que os 38 pares que constam na lista têm baixo volume e liquidez, segundo a corretora.

“Para criar um ambiente de negociação robusto e oferecer a melhor experiência de negociação, removeremos vários PARES DE NEGOCIAÇÃO com baixa liquidez e volume de acordo com as diretrizes da OKEx”, diz a nota publicada na página de suporte da empresa.

Um dos destaques ficou por conta da exclusão do criptoativo ‘Bread’ (BRD), um token que já valeu US$ 3 a unidade e já chegou a ter um valor de mercado de US$ 192 milhões.

Hoje, o criptoativo vale US$ 0,25 e soma apenas US$ 22 milhões, respectivamente.

Outros pares deslistados que chamaram a atenção foram relacionados à Datum (DAT), nos pares com Bitcoin, Ether e Tether (DAT/BTC, DAT/ETH, DAT/USDT).

A OKEX solicitou aos usuários que cancelassem suas ordens abertas que se referisse aos pares descritos. Após isso, caso não os faça, automaticamente o sistema o fará.

Lista das criptomoedas

O cliente terá, então, até o dia 14 de dezembro para a retirada do token da plataforma para sua carteira ou outra exchange, diz o comunicado.

Veja a lista abaixo:

FirstBlood (1ST) USDT
Micromoney (AMM) USDT
ATLANT (ATL) ETH
Aventus (AVT) BTC
Bread (BRD) ETH
Change (CAG) USDT
CommerceBlock (CBT) BTC
Carinet (CIT) BTC, ETH, OKB
Datum (DAT) BTC, ETH, USDT
DENT (DENT) BTC, ETH, USDT
EncrypGen (DNA) USDT
District0x (DNT) USDT
Everex (EVX) ETH
Genaro Network (GNX) USDT
Iconomi (ICN) USDT
Selfkey (KEY) USDT
LAToken (LA) ETH
Leverj (LEV) BTC, ETH, USDT
Maggie (MAG) USDT
Metal (MTL) BTC, ETH
Merculet (MVP) BTC
NAGA (NGC) BTC
OAX (OAX) USDT
Simple Token (OST) BTC
Qvolta (QVT) USDT
Raiden Network Token (RDN) BTC
Republic Protocol (REN) ETH, USDT
Request Network (REQ) ETH
OneRoot Network (RNT) BTC
Santiment Network Token (SAN) USDT
Show (SHOW) BTC
SingularDTV (SNGLS) BTC, ETH
Sportyco (SPF) USDT
SubStratum (SUB) BTC
Travel (TRA) USDT
Unikoin Gold (UKG) ETH
BLOCKv (VEE) ETH
Worldcore WRC) USDT

O comunicado finaliza:

“Vamos monitorar rigorosamente todos os projetos listados e, quando necessário, vamos aplicar o mecanismo de exclusão de projetos abaixo do padrão da empresa.

Bittrex já excluiu muito mais

No início do ano, a Bittrex anunciou a remoção de 82 tokens de uma só vez. O motivo foi o mesmo alegado pela OKEX, a baixa liquidez.

No entanto, outros problemas também contribuíram para a exclusão de alguns tokens, como alegado pela exchange na ocasião, “várias criptomoedas estavam com seus blockchains ”quebrados”, o que impedia que os usuários retirassem seus saldos”.

Binance excluiu quatro

Em outubro, a Binance, anunciou a remoção dos tokens Bytecoin (BCN), ChatCoin (CHAT), Iconomi (ICN) e Triggers (TRIG).

Naquele momento, a empresa disse que a decisão foi tomada porque as criptomoedas não se enquadravam nos padrões de segurança necessários para sua manutenção no sistema da corretora.

Em nota, a equipe da Binance também disse que avalia constantemente o comportamento dos desenvolvedores dos tokens em sua plataforma, bem como os riscos externos à segurança.

Liqui excluiu e deu prazo mínimo para usuários

No mês passado, a corretora de criptomoedas ucraniana ‘Liqui’ deu apenas sete dias para seus clientes retirarem os tokens que seriam excluídos. Um período muito curto para alertar a todos, principalmente desavisados e hodlers.

Os tokens excluídos foram os seguintes: BAT, TAAS, EDG, MCO, CFI, MGO, MLN, TKN, MYST, ICN, TIME, REQ e Waves, anunciados no primeiro lote de exclusão, em 21 de setembro, e NET, XID, PTOY, NEU, ZRX, REN, AE, DNT, QRL, SNM, SRN, STX, relacionados no segundo lote, anunciado em 20 de outubro.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br