Por que alguns especialistas acreditam que o Bitcoin cairá mais antes de voltar a subir

Foto: Shutterstock

Nesta semana, o CEO da ShapeShift, uma exchange de criptomoedas, Erik Voorhees e o investidor em criptomoedas Anthony Pompliano, mais conhecido como Pomp, ecoaram o sentimento de Arthur Hayes, CEO da BitMEX, que afirmou que gostaria que o preço do BTC caísse para a região dos US$ 5.000 antes de se recuperar e iniciar uma alta, a fim de garantir que o mercado não se expusesse à criação de uma outra bolha.

No programa Crypto Trader da CNBC, Voorhees disse:

“Eu não espero que isso acabe em breve, embora eu ache que a taxa de queda tenha diminuído consideravelmente. Geralmente, nessas bolhas, depois de passar por vários meses de tendência de baixa, você fica em um intervalo por um tempo … Mas acho que terminamos com a maioria da queda.”

Voorhees ofereceu um ponto de vista relativamente entusiasta sobre a tendência do mercado, observando que enquanto o mercado de baixa do Bitcoin evidentemente não terminou, embora a pior parte já tenha passado.

Na semana passada, pesquisadores do Diar relataram que a taxa de volatilidade do Bitcoin caiu para o menor nível em 14 meses, já que o BTC demonstrou estabilidade na faixa de US$ 6.000 desde 6 de agosto, por cerca de três semanas.

Como visto em 80% de correções e altas anteriores, o Bitcoin sempre passou por períodos de estabilidade antes de voltar a subir.

No entanto, Pomp não tem sido tão otimista quanto Voorhees e Hayes, como escreveu em seu último boletim, que vê o preço do BTC cair para a região de US$ 3.000 antes de se recuperar para os US$ 10.000.

“Os outputs finais dos dados me deixaram com algumas conclusões desconfortáveis. O mais notável é que provavelmente veremos o Bitcoin perto de US$ 3.000 antes de o vermos US$ 10.000 novamente. Se isso for verdade, significa que ainda temos uma redução de preço de ~ 50%. As coisas podem ficar realmente feias se isso acontecer – observou Pomp.

Alguns analistas vêem o Bitcoin cair para US$ 5.000, US$ 4.000 e até US$ 3.000 antes de se recuperar. Porém, a maioria compartilha o sentimento de que o Bitcoin irá se recuperar e fechará o ano entre US$ 10.000 a US$ 15.000.


Procurando o melhor lugar para fazer seus trades?

A Huobi, exchange líder em ativos digitais, chegou ao Brasil! Crie sua conta em menos de 1 minuto. Plataforma em português, mais de 150 altcoins, taxa de apenas 0,20%, liquidez e muita segurança, acesse: https://www.huobi.com/

Receba nossa Newsletter

Quer receber as principais notícias e análises? Coloque seu e-mail abaixo!