Pix, o sistema do Banco Central que vai permitir pagamentos instantâneos 24 horas por dia

Pix, o sistema do Banco Central que vai permitir pagamentos instantâneos 24 horas por dia
Foto: Shutterstock

Durante uma entrevista no Globo News na terça-feira (12), o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, revelou o nome do sistema de pagamentos instantâneos que será lançado pela autarquia — vai se chamar Pix.

No entanto, Campos Neto, que falava à emissora sobre novas tecnologias para o setor econômico, disse que acabou revelando o nome sem querer.

Ele mesmo abriu o assunto, quando comentou que o Banco Central estava prestes a lançar um sistema de pagamentos instantâneos e que sua equipe inclusive tinha escolhido um nome no dia anterior.

O comentário, então, causou curiosidade dos jornalistas. “Qual é? O que significa isso?”, perguntaram.

“Pix”, respondeu.

Pagamentos instantâneos do BC

Logo que revelou o nome, Campos Neto também foi convidado a descrever como iria funcionar o novo sistema. No entanto, por conta do descuido, o presidente então se sentiu um pouco inseguro.

Ele alegou que não sabia se poderia ter revelado o nome ainda, mas mesmo assim, resolveu dar mais detalhes, ao que ele respondeu:

“Pagamento instantâneo significa que você vai poder pagar entre uma pessoa e outra, 24 horas por dia, sete dias por semana, e o dinheiro vai cair imediatamente na conta da outra pessoa”, descreveu, acrescentando que será um sistema automático feito por meio de um aplicativo.

Segundo ele, o ‘Pix’ vai funcionar com a tecnologia QR Code e deve ficar pronto até o final deste ano. Para exemplificar seu papel no sistema de transferências, Campos Neto abordou também outro tema que BC tem focado, que é o Open Banking.

O Open Banking é uma solução que conecta bancos e fintechs (como a tradução dos próprios termos revelam: banco ou sistema bancário aberto) para melhorar a experiência do cliente.

“Então você tem de um lado um sistema interoperável — porque todo mundo vai se comunicar com todo mundo por esse sistema — e do outro lado você tem o open banking, que vai abrir o sistema. Então você tem: interoperável, mais instantâneo, mais aberto”, explicou.

Por meio desses sistemas integrados, Campos Neto disse que a competição que se forma lá na frente é um mundo financeiro muito diferente do atual. E reiterou, acrescentando as fintechs.

“Lá na frente você encontra: interoperabilidade com ‘instantâneo’, com ‘aberto’, com fintechs”.


Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br