O que é o Sistema Bitbon em linguagem simples?

Esta é uma publicação paga. O Portal do Bitcoin não endossa e não é responsável por nenhum conteúdo, precisão, qualidade, publicidade, produtos ou outros materiais nessa publicação.

Para muitos investidores, o investimento em crowdfunding é um modelo financeiro promissor que tem como objetivo a obtenção de lucro. No seu princípio, o sistema de crowdfunding é bastante prático como ferramenta de investimento e angariação de fundos através da Internet. Contudo, apesar das vantagens óbvias, este tipo de plataformas tem um conjunto de problemas que tornam este mecanismo de operação imperfeito.

Podem distinguir-se três desvantagens principais:

  • dificuldade para entrar na corretora da perspetiva legislativa e complexidade dos procedimentos de auditoria;
  • elevado nível de risco para os investidores;
  • os investidores apostam imediatamente nas start-ups promissoras enquanto os projetos menos lucrativos, que têm termos menos favoráveis, recebem microinvestimentos.

Com o surgimento da Blockchain, tornou-se possível reduzir as dificuldades existentes durante o investimento através de ICO (Initial Coin Offerings) ou, noutras palavras, crowdsale. Esta tecnologia é semelhante ao crowdfunding, mas pode ser usada numa escala maior e baseada na tecnologia de Blockchain. Esta situação facilita significativamente o investimento e torna-o mais disponível. No entanto, um nível de risco elevado não desaparece e até aumenta porque as ICO não são reguladas por nenhuma legislação. Assim, os desenvolvedores de plataformas para angariação de financiamento foram confrontados com a tarefa de resolução deste problema. Neste momento, já existem projetos que permitem aos investidores minimizar possíveis perdas e estar mais confiantes quanto à segurança dos seus investimentos. O Sistema Bitbon é uma dessas plataformas de Blockchain cujo princípio de operação se baseia na utilização de tecnologias patenteadas.

Capacidades do Sistema Bitbon e seu princípio de operação

O Sistema Bitbon é um projeto de infraestrutura em larga escala criado com base na Blockchain Ethereum modificada. Em geral, pode considerar-se um sistema de gestão de ativos e uma plataforma de investimento com oportunidades mais amplas. A utilização do Sistema Bitbon permite alcançar um novo nível de trabalho com ativos digitais:

  • aumento da fiabilidade do armazenamento de dados em formato digital;
  • implementação de métodos eficientes de contabilidade e gestão de direitos para ativos;
  • transferência rápida e segura de direitos de propriedade para ativos;
  • interação com os participantes do Sistema com absoluta transparência;
  • obtenção de rendimentos adicionais para investimento em projetos de uma maneira legal.

Todas as capacidades acima referidas são implementadas através da Blockchain e de contratos inteligentes. Estes componentes oferecem a descentralização e transparência de interação entre os utilizadores. Significa que o Sistema é gerido não só por um indivíduo específico ou por um grupo de pessoas mas por cada utilizador de acordo com a quantidade de Bitbons na sua Assetbox (carteira). Este princípio de operação exclui intermediários em relações comerciais entre empresários e um modelo de gestão do segmento social e económico como um todo. Ao contrário de muitas plataformas existentes, qualquer atividade no Sistema Bitbon é completamente legal e, assim, garante uma interação segura de todos os participantes. Todas as inovações integradas no Sistema Bitbon foram patenteadas em muitos países, o que comprova a exclusividade dos seus componentes.

O Bitbon em si é um instrumento financeiro usado como unidade de pagamento pelos utilizadores. Ao  contrário das criptomoedas, cujo preço depende da procura, o Bitbon apresenta todas as propriedades de um criptoativo, e o seu valor é suportado por uma percentagem de ativos reais. Os utilizadores do Sistema podem vender os seus Bitbons e usá-los para liquidações, como dinheiro fiat. O Bitbon pode ser convertido em Projectbon, que é um instrumento correspondente a uma determinada parte dos direitos de propriedade do participante para um projeto específico. Noutras palavras, os Projectbons representam participações digitais no Sistema Bitbon adquirido por um investidor durante a Contribuição. A Contribuição é um tipo de atividade que um Contribuidor (investidor) no Sistema Bitbon que tem como objetivo receber rendimentos adicionais para investimento no projeto selecionado.

Vamos imaginar a seguinte situação: um empresário possui um plano de negócios e necessita de angariar fundos para a sua implementação. Fora do Sistema Bitbon, ele teria de recorrer a plataformas de crowdfunding ou a ICO. No Sistema Bitbon, o Contratado (empresário) envia inicialmente o seu projeto para a Bitup-Agency, que tem o direito de tomar uma decisão sobre a admissão de projetos promissores para a IBO (Initial Business Offering), ou seja, financiamento. A Bitup-Agency inclui advogados, auditores, analistas comerciais e outros indivíduos que podem certificar documentos e controlar a implementação de contratos. A Bitup-Agency realiza uma auditoria preliminar libertando totalmente os Contribuidores desse trabalho, o que facilita e acelera significativamente o processo de seleção de projetos interessantes. Os projetos, que foram aprovados e admitidos para o IBO, podem ser automaticamente considerados financeiramente lucrativos em várias medidas.

Os projetos aprovados são devidamente classificados, indicando o seu nível de suporte por ativos. Deste modo, os investidores podem analisar independentemente cada projeto e chegar a conclusões certas acerca do seu potencial.

Durante a etapa de IBO seguinte, os Contribuidores trocam os seus Bitbons por Projectbons para o projeto selecionado, investindo assim os seus fundos.

O número de Projectbons determina a participação num projeto comercial.

O Contrato Público de Bitbon é um documento digital que estipula os termos e condições do contrato celebrado entre o Contratado, os Contribuidores e a Bitup-Agency, bem como os seus direitos e obrigações. Todas as transações no Sistema Bitbon são gravadas na Blockchain e não podem ser modificadas ou canceladas. Assim, garante-se a integridade e a transparência de todas as transações realizadas fora do Sistema.

Onde pode ser aplicado o Sistema Bitbon, e como funciona?

O conceito de Sistema é formado de maneira a ser usado para eliminar as fraquezas em muitas esferas de atividade, incluindo as esferas económicas e sociais. Pode ser aplicado nos campos relacionados diretamente com armazenamento de dados: medicina, educação, ciência, indústria, arte, negócio, controlo governamental, entre outros. Ao usar métodos d proteção de dados criptográficos, é possível digitalizar todos os arquivos em papel e outros documentos e garantir a sua total segurança e imutabilidade. Por exemplo, a impossibilidade de uso ilegal de informações exclui qualquer violação de direitos de autor. Graças à Blockchain, os representantes do campo da arte protegem os seus trabalhos criativos contra plágio e pirataria, colocando-os no Sistema Bitbon. A impossibilidade de cancelar transações executadas permite organizar votações, exames, negócios, etc.

Para entender melhor, vamos examinar mais de perto o mecanismo desse sistema, conforme exemplificado através da Contribuição.

Vamos imaginar que um cientista inventou uma máquina de movimento perpétuo. Ele possui uma certa quantia de dinheiro para concretizar a sua ideia e conduzir investigações, mas não é suficiente para implementar totalmente o projeto. Então, o inventor entra em contacto com a Bitup-Agency, que avalia o projeto com base no seu apoio e viabilidade. Será atribuída uma categoria ao projeto (A, B ou C) se os especialistas da Bitup-Agency confirmarem que o projeto é suficientemente apoiado por ativos e apresenta um conceito promissor. Dependendo da quantia inicial de dinheiro que o inventor investiu no seu próprio projeto, a Bitup-Agency atribui uma categoria relevante e admite o projeto para a IBO. Vamos supor que foi atribuída a categoria A ao projeto da máquina de movimento perpétuo — nível de apoio elevado. Neste caso, a Bitup-Agency irá fornecer ao Contratado (inventor) 40% a 50% da quantidade total de Bitbons necessários para a implementação do seu projeto. O Fundo de Capitalização Bitbon é um componente do Sistema Bitbon, cujos ativos presentes na conta pertencem a todos os utilizadores do Sistema em partes iguais à quantidade de Bitbons nas suas Assetboxes. O Fundo de Capitalização Bitbon participa automaticamente no processo de Contribuição e envia uma certa quantidade de Bitbons para um projeto específico, dependendo da sua categoria. Por exemplo, são necessários 1000 Bitbons para implementar o projeto da máquina de movimento perpétuo. O Fundo de Capitalização Bitbon irá fornecerá ao Contratado 40% do montante total assim que os Contribuidores financiarem coletivamente 60% do projeto. Com base nas condições dadas, o projeto da máquina de movimento perpétuo apresenta bons indicadores, um alto nível de apoio e, portanto, atrairá investimentos rapidamente.

Ao contrário das plataformas de crowdfunding e das ICO, que inicialmente cobram todo o montante de fundos necessários para a implementação do projeto, o Sistema Bitbon financia projetos em etapas. Todos os Bitbons angariados para um projeto específico são armazenados na Masterbox (carteira) e creditados na Assetbox do Contratado em parcelas de acordo com as etapas de implementação do projeto especificadas no Contrato Público Bitbon. Usando o projeto da máquina de movimento perpétuo como exemplo, suponhamos que a primeira etapa da implementação do projeto inclui pesquisa, compra de ferramentas e matérias-primas. Para esse fim, a quantidade necessária de Bitbons é creditada na Assetbox do inventor. A próxima parcela de Bitbons será creditada na Assetbox após cumprir todas as condições desta etapa. Lembremos o fato de que cada ação no Sistema é registada na Blockchain, portanto, não é possível cancelar as transações executadas, e todos os participantes do Sistema podem visualizar cadeias de blocos. O financiamento por etapas e uma das características importantes da Contribuição no Sistema Bitbon que o distingue de outras plataformas existentes para angariação de investimentos.

Se um projeto parece ser financeiramente lucrativo, mas não tem apoio ou é insuficientemente apoiado por ativos, a Bitup-Agency ainda pode admiti-lo para a IBO. No entanto, esse projeto pertencerá a uma classe inferior e ser-lhe-á atribuída a categoria C. O objetivo dessa atribuição é permitir que os Contribuidores avaliem exaustivamente a oferta, levando em consideração todos os possíveis riscos, períodos de retorno e possível lucro.

Como se tornar um utilizador do Sistema Bitbon

Para se tornar um utilizador do Sistema Bitbon, terá de concluir os procedimentos de registo e verificação e fornecer os documentos necessários. Qualquer utilizador da Internet pode registar-se e tornar-se proprietário de uma certa parte dos direitos de propriedade dos ativos designados em Bitbons. Estes ativos digitais podem ser usados ​​com base nas suas próprias necessidades, incluindo o pagamento de bens e serviços. Além disso, as organizações com autoridade para prestar serviços jurídicos, de auditoria e analíticos podem receber o estatuto de BitupAgency no Sistema Bitbon. Para registar a sua própria Bitup-Agency, além de completar os procedimentos padrão, terá de executar ações adicionais e fornecer documentos relevantes.

Dos desenvolvedores: por que é que o Sistema Bitbon ganhou popularidade?

A Simcord Holding é a desenvolvedora do Sistema Bitbon; a empresa especializou-se, há mais de 17 anos, na investigação e desenvolvimento de produtos e serviços de software para trabalhar nos mercados financeiros e na indústria das criptomoedas.

A equipa Simcord afirma que o Sistema Bitbon permite resolver muitos problemas existentes nas esferas económicas e sociais.

Al como os criadores do conceito explicaram, o Sistema é tão complexo que pode ser usado em quase todas as áreas da atividade humana. A ideia é bastante universal para influenciar as relações sociais e económicas numa escala global. O Sistema foi concebido para desenvolvimento contínuo, bem como a expansão dos seus próprios recursos através da implementação e modernização constante de tecnologias de ponta.

Os desenvolvedores dizem que, no futuro, o setor real da economia será integrado ao Sistema, garantindo assim a criação de uma comunidade completamente nova, construída na base da confiança e da transparência das relações comerciais.