Nubank chega ao México e começa projeto de expansão internacional

Foto: Divulgação/Nubank

Na terça-feira (7), o Nubank inaugurou o seu escritório no México, num movimento capaz de expandir a atuação do banco digital para outros países da América Latina nos próximos anos.

A marca do banco digital, porém, irá mudar. Batizado como “Nu”, o escritório mexicano terá uma equipe de 20 pessoas, de acordo a Reuters. De acordo com o banco, os primeiros cartões, de crédito ou de débito começam a ser emitidos já no segundo semestre de 2019.

Surgida em 2013, a plataforma digital de serviços financeiros se popularizou no Brasil por meio de seus cartões de crédito sem taxa de anuidade. A empresa tem hoje cerca de 8,5 milhões de clientes no Brasil.

A vice-presidente de operações do Nubank, Cristina Junqueira, disse à agência de notícias que as semelhanças entre México e Brasil, como o grande número de desbancarizados, capilaridade dos serviços de internet móvel e setor bancário altamente concentrado podem fazem a empresa crescer rapidamente em terras mexicanas.

Conforme dados do Banco Mundial, México tinha 36 milhões de pessoas sem acesso a serviços bancários em 2017. Assim como no Brasil, os cinco maiores bancos mexicanos contam com 80% dos clientes.

Tal cenário permitiu rápida disseminação de serviços digitais no Brasil. Ela aponta uma vantagem do mercado mexicano: A penetração dos cartões no gasto das famílias é sensivelmente menor do que o Brasil, o que cria uma grande oportunidade para nós”.

Ainda em 2018, o México aprovou uma regulamentação para funcionamento das fintechs, mas o país asteca experimenta uma fase similar à vivida pelo Brasil há cerca de cinco anos. Hoje, o Brasil conta com mais de 400 dessas entidades em operação, segundo dados do Banco Central.

Desde que surgiu há pouco mais de cinco anos, o Nubank já recebeu mais de 400 milhões de dólares em sete rodadas de investimento de investidores como Sequoia Capital, Kaszek Ventures, Tiger Global Management e da própria Tencent.

Mesmo com o processo de internacionalização em curso, o foco do Nubank continua sendo ampliar serviços no Brasil, segundo Cristina. Após começar a operar contas de pagamentos, o Nubank começou a oferecer crédito pessoal no país em 2019 – a medida deve ganhar escala nos próximos meses. Por conta dessa expansão, o Nubank ampliou sua equipe e conta com 1500 funcionários.

O desembarque do Nubank no México coincide com o acirramento da concorrência no setor de pagamentos no Brasil – a Rede, braço de adquirência do Itaú Unibanco anunciou que ia zerar a cobrança de taxas na antecipação de recebíveis.

Nubank em alta

Em março, o Nubank foi eleito o melhor banco do Brasil, segundo um estudo encomendado pela Forbes. A fintech brasileira, que opera com cartões de crédito e banco digital sem tarifas, foi eleita a melhor empresa financeira do país, deixando grandes bancos para trás.

O estudo foi realizado em parceria com a empresa de pesquisa de mercado Statista, que obteve a opinião de mais de 40 mil pessoas em 23 países.

A classificação das avaliações dos bancos foi baseada em vários critérios, como satisfação geral e atributos-chaves, como confiança, honorários, serviços digitais e consultoria financeira.

De acordo com o resultado da análise, a ordem das melhores instituições financeiras no Brasil ficou a seguinte: 1º Nubank (São Paulo); 2º Banco Inter (Belo Horizonte); 3º Neon (São Paulo); 4º Caixa Econômica Federal (Brasília); 5º Itaú Unibanco (São Paulo).

Clique aqui e acompanhe a cotação de mais de mil criptomoedas


Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

Receba nossa Newsletter

Quer receber as principais notícias e análises? Coloque seu e-mail abaixo!