Itaú e Mais Quatro Empresas Fazem Parceria com a Ripple

Recentemente, a Ripple firmou parceria com a MoneyGram, Santander e Western Union, fora as diversas parcerias antigas.

Hoje, a startup Ripple anunciou novas parcerias com cinco instituições bancárias e de transferência de dinheiro em quatro países diferentes.

Os dois bancos – Itaú Unibanco do Brasil e IndusInd da Índia – juntamente com as empresas de remessa de dinheiro InstaReM de Singapura, Beetech do Brasil e Zip Remit do Canadá, adotarão diferentes plataformas Ripple para facilitar os pagamentos internacionais em tempo real, de acordo com um comunicado de imprensa.

Enquanto a Beetech e Zip Remit planejam usar o produto xVia da Ripple para facilitar a transferência de dinheiro internacional destinados a clientes individuais, a IndusInd, InstaReM e Itaú Unibanco planejam usar xCurrent para transações internacionais em tempo real para instituições financeiras, de acordo com a Finextra.

 

O chefe de desenvolvimento comercial da Ripple, Patrick Griffin, acrescentou que as novas parcerias ajudarão particularmente os clientes em mercados emergentes, explicando:

“Se for um professor nos EUA que envia dinheiro para a sua família no Brasil ou um pequeno empresário na Índia tentando enviar dinheiro para abrir uma segunda loja em outro país, é necessário conectar as instituições financeiras do mundo a um sistema de pagamentos que funciona para seus clientes, não contra eles”.

É importante notar que essas parcerias da empresa Ripple não utilizam seu Token ‘XRP’, e sim suas outras tecnologias chamadas xVia e xCurrent.

Leia Também: Tudo sobre Ripple, a Criptomoeda Focada em Bancos

 

BitcoinTrade

A primeira plataforma Brasileira que você pode comprar com segurança utilizando o seu Cartão de Crédito como forma de pagamento. Eles aceitam Visa e Mastercard. A BitcoinTrade ainda conta com certificação de segurança PCI Compliance, a única no Brasil. Acesse aqui: https://www.bitcointrade.com.br

Criador do Portal do Bitcoin. Conheceu o Bitcoin em 2012 mas só foi realmente entender melhor o mercado em 2013. Desde então faz parte da comunidade cripto.
loading...