Google faz Proposta de Trabalho ao Criador do Ethereum

(Foto: John Phillips/TechCrunch)

Vitalik Buterin, cofundador do Ethereum, recebeu um e-mail do Google com uma suposta proposta de trabalho, que ele tornou pública em um tweet no domingo (20). Buterin recebeu a mensagem de uma recrutadora do maior mecanismo de buscas na internet:

“Espero que você esteja aproveitando muito bem o fim de semana! O Google faz sentido para você agora ou num futuro próximo?”, dizia o recado.

Buterin, então, publicou um print da proposta na sua conta do Twitter com uma enquete que provocava seus seguidores a responderem sobre o fato. A pergunta que ele fez foi a seguinte:

“Devo abandonar o Ethereum e trabalhar para o Google?

A enquete recebeu mais de 2.000 votos. Mais da metade (59%) responderam que ele NÃO deveria aceitar o trabalho. Um pouco menos (41%), disseram SIM, que ele deveria fazer mudanças e abandonar a empresa que ele fundou aos 19 anos de idade.

Infelizmente, por descuido, Buterin acabou exibindo o nome da recrutadora, por isso o tweet foi apagado, provavelmente para não lhe trazer algum problema.

Vitalik Buterin é visto como símbolo do Ethereum. Uma eventual saída da segunda maior blockchain do mercado de criptomoedas causaria danos irreparáveis.

Pode ser também que ele tenha ‘levado na esportiva’ a tamanha ambição da gigante das buscas. Além de fundador do Ethereum, Vitalik Buterin também é escritor e programador. No início de sua carreira, ele recebia cinco Bitcoins por texto.

Ultimamente, ele tem estado engajado numa atualização na plataforma do Ethereum que vai implementar um protocolo ‘proof-of-stake’, além de outras ferramentas que fazem parte do processo de mineração.

Como não se tem a certeza de que o ‘convite’ partiu da diretoria executiva do Google, uma vez que a empresa anunciou que iria proibir anúncios de criptomoedas e ICOs no mês de março.

Porém, já é sabido que a empresa tem muito interesse na tecnologia  blockchain:

“Como muitas novas tecnologias, temos indivíduos em várias equipes que exploram o uso potencial de blockchain, mas é cedo demais para especularmos sobre possíveis usos ou planos”, disse um porta-voz do Google à Business Insider em março.

O Google também é um investidor em várias empresas de blockchain, como Ripple, LedgerX e Veem.

Outra gigante do Vale do Silício que também está interessada na tecnologia do Bitcoin e Ethereum, é o Facebook, que já tem uma equipe formada para dar início a seu provável projeto de blockchain.

BitcoinTrade

Comprar e vender Bitcoin e Ethereum ficou muito mais fácil. A BitcoinTrade é a plataforma mais segura e rápida do Brasil. Além disso, é a única com a certificação de segurança PCI Compliance. Acesse agora ou baixe nosso aplicativo para iOs ou Android: https://www.bitcointrade.com.br/