Exchange japonesa Liquid é avaliada em mais de US$ 1 bilhão

(Foto: Shutterstock)

A plataforma japonesa de criptomoedas Liquid atingiu o status de “unicórnio” com o primeiro fechamento de um financiamento contínuo de Série C que leva o valuation da empresa para mais de US$ 1 bilhão. A notícia foi divulgada pelo Cointelegraph Japão em 3 de abril.

A empresa controladora da Liquid é a Quoine, uma fintech licenciada pela Agência de Serviços Financeiros do Japão.

Como relata o Cointelegraph Japão, o novo financiamento e a nova avaliação fazem da Liquid o segundo “unicórnio” do país no mercado de startups de tecnologia – o outro é a empresa de inteligência artificial Preferred Networks, que é apoiada pela Toyota, Fanuc, Hitachi e outros.

O primeiro fechamento da Série C da Liquid teria sido liderado pela empresa de investimentos americana IDG Capital, com a participação da importante fabricante chinesa de produtos de mineração Bitmain Technologies.

A IDG investiu anteriormente em outros grandes players da indústria cripto, como Coinbase, Ripple, a unidade de cripto da Kakao e a própria Bitmain. A participação da Bitmain supostamente marca seu segundo investimento a uma plataforma regulada de negociação de ativos digitais – após sua contribuição para uma rodada da Série B para a exchange cripto e derivativos ErisX em dezembro de 2018.

Katsuya Konno – diretor representante e chefe do escritório do CEO da Quoine – disse ao Cointelegraph que o novo financiamento será usado para impulsionar a expansão global, o desenvolvimento de produtos da exchange e a entrada no mercado de security tokens.

O Cointelegraph Japão observa que, apesar do valuation da Liquid, o financiamento até agora é relativamente pequeno, totalizando 1 bilhão de ienes (cerca de US$ 9 milhões).

A Liquid já havia arrecadado mais de US$ 20 milhões em financiamento de capital de risco, que incluía as principais empresas japonesas de investimento, JAFCO, SBI, B Dash Ventures, Mistletoe e ULS Group.

Em 2017, a Liquid havia captado mais de US$ 100 milhões em uma oferta inicial de moeda (ICO) pré-descontada e regulamentada pela ASF.

Como publicado anteriormente, a principal exchange cripto americana Coinbase tornou-se o primeiro unicórnio da indústria depois de levantar US$ 100 milhões em agosto de 2017, o que implicou uma valorização de US$ 1,6 bilhão.

Relatórios mais recentes sugeriram que a plataforma poderia ter subido para uma avaliação de até US$ 8 bilhões em suas negociações de financiamento do final de 2018 com a Tiger Global e outros.

*Conteúdo disponibilizado por parceria entre Portal do Bitcoin e Cointelegraph


3xBit

Inovação e segurança. Troque suas criptomoedas na corretora que mais inova do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://3xbit.com.br

Receba nossa Newsletter

Quer receber as principais notícias e análises? Coloque seu e-mail abaixo!