Exchange do Bitcoin Banco vai entrar em manutenção por tempo indeterminado

Exchange do Bitcoin Banco entrará em manutenção por tempo indeterminado
Foto: Shutterstock)

A Bat Exchange, do grupo Bitcoin Banco, anunciou em seu site que entrará em manutenção por tempo indeterminado a partir da 0h de quarta-feira (29). O motivo não é explicado na mensagem.

No aviso, a corretora pede para que os clientes façam as transferências dos saldos para as contas na NegocieCoins ou TemBTC.

Essa é mais uma etapa da crise pela qual passa a empresa desde pelo menos o dia 17, quando os saques em reais e bitcoin das exchanges foram travados. Situação que migrou para pequenos pagamentos a poucas pessoas.

Desde o lançamento no final de março, a corretora vem apresentando problemas. Inicialmente, ela chegou a sair do ar e depois voltou. Na página da corretora no Facebook, alguns usuários questionaram se não seria um “adeus”. Isso porque é costume das empresas informarem um previsão de retorno do serviço mesmo que possa haver atrasos.

Embora criada como parte do Bitcoin Banco, do empresário Cláudio, o CNPJ registra que o dono é um empresário baseado em Santos chamado Alexandre Tuna Vaz dos Santos, que também tem o registro do domínio do site da corretora.

A BatExchange usava o mesmo sistema de transferência entre as exchanges do Grupo Bitcoin Banco, que possibilitava as transferências de valores entre as corretoras.

Problemas no Bitcoin Banco

A NegocieCoins, do Bitcoin Banco, está com os saques praticamente travados em reais e em bitcoin desde o dia 17. Alguns poucos pagamentos foram feitos até o momento. A empresa informou aos clientes que haveria uma restrição individual e global de saques.

Na quinta-feira (23), o dono da empresa, Cláudio Oliveira, fez um pronunciamento em vídeo no qual falou sobre os problemas dos saques.

Sobre os problemas dos saques (conforme dados do Reclame Aqui, as reclamações explodiram no últimos dia), afirmou: “Compreendo que está complicado, mas vamos resolver. Tá todo mundo reclamando dos saques em criptomoedas, está certo. Mas nós estamos fazendo saques manuais e mexendo na plataforma”.

No dia seguinte, o Bitcoin Banco travou totalmente os saques depois da descoberta de uma fraude de R$ 50 milhões. O prometido é que após o dia 29, os limites de saques seriam de R$ 10 mil e 1 Bitcoin por dia — por prazo indeterminado.

Receba nossa Newsletter

Quer receber as principais notícias e análises? Coloque seu e-mail abaixo!