Empresas de criptomoedas e blockchain criam lobby para atuar em Washington

(Foto: Shutterstock)

Um grupo de representantes de companhias e especialistas em criptomoedas anunciou a criação da Blockchain Association, a primeira organização americana de lobby em Washington representando empreendedores e investidores que buscam formar um campo legal favorável ao desenvolvimento da indústria de criptomoedas.

A associação têm como membros empresas como a Coinbase e a Circle, que estão entre as exchanges de criptoativos mais influentes no país. Também compõem o grupo a startup de tecnologia Protocol Labs e investidores como a Digital Currency Group e a Polychain Capital. As informações vêm de matéria publicada no Washington Post.

A primeira funcionária da Blockchain Association a atuar diretamente no Congresso será Kristin Smith, que já foi assistente da então senadora republicana Olympia J. Snowe. Ela atuou no lobby com questões relacionadas a blockchain pela Overstock.com, varejista online que passou a aceitar Bitcoin como forma de pagamento em 2014.

O objetivo da Blockchain Association é tornar-se a maior organização de defesa da indústria de criptomoedas em Washington. O grupo diz representar as companhias que querem atuar dentro do sistema político, em vez de se esquivar dele. A inspiração vem de empresas disruptivas como Uber e Airbnb.

Uma das maiores prioridades da associação será esclarecer como funciona a taxação de criptoativos sob as leis dos Estados Unidos, além de explicar a legisladores quais mecanismos de autenticidade digital dos clientes e medidas contra lavagem de dinheiro podem ser aplicados à indústria.

Michael Lempres, diretor jurídico e de risco da Coinbase, falou ao Washington Post sobre a inserção do grupo no campo da política americana:

A Blockchain Association é um esforço para que as companhias ganhem proeminência no campo juntas, de forma que os legisladores saibam que estão lidando com empresas que dão boas-vindas à regulação, quando apropriadas. […] Não somos companhias buscando manipular o sistema, mas tentando desenvolver um sistema legal e regulatório que resista ao teste do tempo.

Membros do Congresso americano têm enfrentado cada vez mais questões relacionadas à regulação de criptoativos, conforme o setor se consolida e diversifica.

Casos de fraude e abusos tornam obrigatórias novas discussões sobre adaptações de leis financeiras ao mercado de moedas digitais, a exemplo dos pedidos de ETF à Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC).


Procurando o melhor lugar para fazer seus trades?

A Huobi, exchange líder em ativos digitais, chegou ao Brasil! Crie sua conta em menos de 1 minuto. Plataforma em português, mais de 150 altcoins, taxa de apenas 0,20%, liquidez e muita segurança, acesse: https://www.huobi.com/

Receba nossa Newsletter

Quer receber as principais notícias e análises? Coloque seu e-mail abaixo!