Como funcionam os formadores de mercado Forex?

Já pensou onde vai investir suas finanças em 2020? Será que vai ser na poupança ou na compra de algum título do Tesouro Direto? Nos cada vez mais conhecidos fundos imobiliários? Ou será que você vai olhar para fora do Brasil, e pensar em contar com uma famosa corretora, como a Alpari, para entrar no maior mercado de câmbio do planeta, o Forex?

Seja qual for a sua decisão, você precisará estudar constantemente. Isso, logicamente, se sua aposta for pelo bom rendimento daquele seu dinheiro ganho com certo sacrifício. Investir é bom, mas é preciso fazer isso com consciência, não como se você estivesse em um cassino nos Estados Unidos. Seus investimentos precisam de sábia administração, de controle.

Neste artigo, você vai saber um pouco mais sobre a tarefa de profissionais que entendem bastante sobre controle. Saiba, a seguir, como funcionam os formadores de mercado Forex.

Mas eu não sei o que é mercado Forex… O que é isso?

Antes de explicarmos as funções de um formador de mercado Forex, é importante falarmos um pouco sobre esse mercado. Diferentemente do mercado de câmbio brasileiro, o Forex privilegia a compra e venda de pares de moedas, cujos valores estão sujeitos a uma série de fatores, e que, por isso, podem subir e descer de forma brusca e rápida.

Para participar de negociações nesse mercado, precisamos ter uma conta em uma corretora internacional.

Em relação às semelhanças com o mercado cambial brasileiro, podemos apontar a necessidade de termos uma conta em uma corretora de nossa preferência, como a Rico ou a Easynvest, para levarmos a cabo os nossos investimentos. Outro ponto que aproxima essas corretoras internacionais e brasileiras é a existência deles… dos formadores de mercado.

O que vocês fazem, formadores de mercado?

Um formador de mercado é um profissional com uma responsabilidade vital em uma corretora: promover o equilíbrio entre compra e venda de ativos entre os investidores.

O ambiente de trabalho desses profissionais são as mesas de negociações. Na próxima vez que você vir a tela do Home Broker de sua corretora, lembre-se do trabalho feito nas mesas de negociações. Não que o Home Broker e essas mesas sejam a mesma coisa: no primeiro, você negocia ações por sua exclusiva conta. Já na mesa de operações, profissionais da corretora entram no jogo, e dão a melhor direção para os investidores em uma negociação.

No Brasil, os formadores de mercado são licenciados pela Comissão de Valores Mobiliários, a entidade que regula o mercado de valores mobiliários, e está ligada ao Ministério da Fazenda. A função desses profissionais é restrita à especialidade deles, que pode ser em renda variável, renda fixa, commodities ou compra e venda de moedas estrangeiras.

Para operar no mercado Forex, você deverá ter uma reserva de dinheiro em um banco localizado em outro país, já que esse mercado não tem presença no Brasil. Uma parte de suas finanças depositadas no banco escolhido é repassada por você para uma corretora (também internacional), e com essa quantia, você poderá participar do mercado Forex.

Lembre-se que esse mercado apresenta riscos bastante elevados. Portanto, estude-o muito bem, e conte com o auxílio dos formadores de mercado sempre que precisar. Não invista em algo que não conhece, essa é a regra nº 1 para todos os investidores.