Caixa Econômica inicia processo de IPO do ‘Caixa Pay’ e deve entrar no mercado digital

3xBit diz a Cade que Caixa Econômica ameaçou encerrar conta da empresa
(Foto: Shutterstock)

No início da semana, a Caixa Econômica Federal (CEF) enviou a vários bancos de investimento pedidos para coordenação da oferta pública de ações (IPO) para sua futura credenciadora de cartões.

De acordo com o Valor Econômico, que citou fontes anônimas, o novo produto vai se chamar Caixa Pay e a instituição deve começará a atuar nesse mercado no segundo semestre de 2019, após o IPO da Caixa Seguridade.

Enquanto o lançamento não ocorre, a CEF trabalha para definir parcerias para a atuação da subsidiária de cartões. O banco abriu uma concorrência para selecionar um parceiro na área de adquirência e também de outros setores de atuação.

IPO de seguros da Caixa

Do mesmo jeito que há urgência na área de cartões, a CEF acelera o projeto de IPO na área de seguros.

A instituição havia recebido as propostas dos bancos para o IPO da Caixa Seguridade no dia 10 de maio. As reuniões com esses bancos aconteceram na semana seguinte. A proposta foi finalizada no sábado (18).

A instituição anunciou uma revisão da estratégia do modelo de exploração de produtos de seguridade. Nesta etapa, serão definidos novos parceiros no setores de habitação, capitalização, consórcios e automóveis.

Caixa vai vender ações

Outro anúncio se refere à venda subsequente (follow-one) de ações detidas por ela ou pelos fundos que administra em empresas como Petrobras, Alupar e Banco do Brasil.

A primeira dessas operações será a venda das ações na Petrobrás, em junho, num montante aproximado de R$ 9 bilhões.

“Esta operação está pronta e virá conforme a oportunidade de mercado”, disse uma fonte ao Valor.

As ações da Petrobras tiveram desvalorização no último mês — mas, no ano, acumulam alta.


Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

Receba nossa Newsletter

Quer receber as principais notícias e análises? Coloque seu e-mail abaixo!