Bitcoin pode crescer em Antígua e Barbuda

O Caribe sempre foi uma região interessante para a criptomoeda. O Bitcoin pode fazer um grande impacto nesta parte do mundo nos próximos anos. O Gabinete de Antígua e Barbuda está estudando regular o uso do Bitcoin nos próximos meses. O Procurador-Geral local é encarregado de elaborar a implementação que permite o uso do Bitcoin. Um desenvolvimento intrigante, mas que pode dar muito certo.

É interessante ver legisladores com uma abordagem de mente aberta para o Bitcoin e as criptomoedas. O Gabinete de Antígua e Barbuda quer elaborar novas leis relativas ao uso de Bitcoin. No entanto, não parece que o governo quer impedir o uso de criptomoeadas de qualquer forma. Em vez disso, eles querem dar ao Bitcoin o reconhecimento legal, o que é benéfico para o status da moeda em busca de se tornar popular em uma escala global.

Antígua e Barbuda estão interessados no Bitcoin

A decisão é resultado de uma reunião entre o gabinete e representantes da Associação de lazer e jogos de Antigua. Como resultado deste encontro, Antígua e Barbuda estão pensando muito no Bitcoin. Novos desenvolvimentos estão se tornando o centro da atenção na região, isso é certo. Além disso, a nação quer ser a pioneira no Caribe. Abraçar uma tecnologia inovadora é uma excelente maneira de manter esse status.

Bitcoin é uma moeda imutável, e é de grande interesse para o governo local. Além disso, qualquer pessoa pode rastrear as transações de Bitcoin a qualquer momento sem precisar de software ou acesso especial. Na verdade, o governo vê o Bitcoin como um aliado quando se trata de combater os esforços contra a evasão fiscal. Uma intrigante linha de pensamento, considerando que outros países consideram o Bitcoin como uma forma de facilitar a lavagem de dinheiro e a evasão fiscal.

O Ministro do Comércio e dos Assuntos do Consumidor, Chet Greene, declarou:

“A moeda nos beneficia em Antígua e Barbuda em relação ao nosso setor de jogos na Internet. Permitirá-nos a satisfação necessária como uma jurisdição no que diz respeito às perguntas que seriam feitas a nós no Ambiente Global “.

Receba nossa Newsletter

Quer receber as principais notícias e análises? Coloque seu e-mail abaixo!