Bitcoin e Criptomoedas: Autoridades dos EUA e Canadá Fazem Varredura Contra Fraudes

(Foto: Pixabay)

A organização internacional de proteção a investidores mais antiga do mundo, a Associação Norte-Americana de Administradores de Valores (NASAA), com sede em Washington, deu início a uma força-tarefa contra esquemas fraudulentos envolvendo Ofertas Iniciais de Moedas (ICOs), criptomoedas e todos os produtos ligados a elas.

De acordo com a publicação no site oficial da NASAA, as séries coordenadas de ações de fiscalização é de âmbito nacional e tem apoio de autoridades canadenses.

Apelidada de “Operação Varredura Cripto” (Cryptosweep, em Inglês), os membros da NASAA de mais de 40 jurisdições na América do Norte já têm em mãos 70 casos que estão sendo investigados. Desses, 35 já foram averiguados e confirmadas fraudes com ICOs.

Muitas ‘empresas’ foram notificadas para encerramento imediato das atividades, bem como orientadas que tal atividade viola a lei estadual de valores mobiliários.

Joseph Borg, presidente da NASAA e diretor da Comissão de Valores do Alabama (ASC) disse que a principal tarefa é descobrir se os autores desses produtos estão cumprindo com as leis de valores mobiliários vigentes:

“Estamos nos colocando no lugar dos investidores. Estamos vendo o que está sendo promovido eles e, passo a passo, vamos nos deparando com o cumprimetro ou não das leis”, disse Borg.

Todas as equipes deslocadas têm ordem para averiguar todo e qualquer local que oferece negócios com criptomoedas. Até mesmo locais aparentemente não suspeitos estão passando por uma varredura a fio.

Além disso, por onde as equipes passam divulgam publicamente as ações para que a população saiba que muitos criminosos criam sites e empresas falsas para enganar pequenos investidores, principalmente aquelas que querem arrecadar fundos para certos projetos ligados a criação de tokens.

De acordo com Washington Post, esta é a maior repressão coordenada até hoje por autoridades estaduais e provinciais contra golpes que envolvem criptomoedas, como o Bitcoin, e devem ser prolongadas por semanas.

A NASAA é uma associação voluntária cujos membros são administradores de valores mobiliários de estados, províncias e territórios nos 50 estados dos Estados Unidos, no Distrito de Colúmbia, em Porto Rico, nas Ilhas Virgens dos EUA, no Canadá e no México.

A força-tarefa já identificou cerca de 30.000 registros de nomes de domínio relacionados a criptomoedas e muitos deles com endereços físicos falsos e com promessas de mais de 4% de juros diário.

“Alguns sites usaram fotos não autorizadas de personalidades, como a da juíza da Suprema Corte norte-americana, Ruth Bader Ginsburg, da atriz Jennifer Aniston e até mesmo do príncipe Charles, e com isso se mostrarem honestos”, segundo nota dos reguladores.

O diretor de execução do Conselho de Segurança do Estado do Texas, Joseph Rotunda, também se manifestou:

“Embora o trabalho da força internacional esteja longe de ser efetivo, minhas suspeitas já foram confirmadas: o mercado de investimentos em criptomoedas está saturado de fraudes e nosso trabalho está apenas revelando a ponta do iceberg”, disse Rotunda.

O Wall Street Journal publicou recentemente um estudo que mostrou irregularidades em 271 ICOS das 1.470 investigadas. Na ocasião foram identificados documentos plagiados de investidores, promessas de retornos garantidos e equipes executivas ausentes ou inexistentes.

O secretário de Commonwealth de Massachusetts, William Francis Galvin, disse que nem todo investimento relacionado a criptomoedas ou a ICOs é fraudulento, por isso alertamos os investidores a se aproximarem de qualquer um desses produtos com extrema cautela.

Ação da SEC

Há alguns dias a Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC) criou um site falso de ICO para alertar consumidores a não aderirem a projetos fraudulentos.

O órgão regulador criou o domínio HoweyCoins.com, o qual mostra uma ótima oportunidade de investimento, mas ao se cadastrar o usuário é direcionado para o site da instituição.

Assim ele é alertado sobre o que poderia ser um golpe e recebe orientação para não aderir a negócios relacionados a criptomoedas sem antes verificar a idoneidade da empresa.

BitcoinTrade

Comprar e vender Bitcoin e Ethereum ficou muito mais fácil. A BitcoinTrade é a plataforma mais segura e rápida do Brasil. Além disso, é a única com a certificação de segurança PCI Compliance. Acesse agora ou baixe nosso aplicativo para iOs ou Android: https://www.bitcointrade.com.br/

Professor, músico, escritor, pai do Bruninho. Conheceu o Bitcoin em 2012, mas foi a partir de 2016 que resolveu especializar-se nos assuntos relacionados às criptomoedas.
loading...