9 de cada 10 criptomoedas têm códigos plagiados, diz relatório chinês

(Foto: Shutterstock)

Uma pesquisa realizada pela universidade chinesa Xi’an Jiaotong, juntamente com a empresa de tecnologia Netta Lab, mostrou que 9 em cada 10 das criptomoedas existentes ‘roubaram’ 80% de seu código, segundo o comunicado de imprensa divulgado pelo site Sina.

Depois de comparar o código de 488 criptomoedas, os pesquisadores descobriram que o código subjacente de 405 delas (83%) obteve uma pontuação de similaridade entre 90% e 100%.

Além disso, 324 (66,6%) tiveram um índice de similaridade entre 95% e 100%. Em apenas 38 dos criptoativos analisados (8%) foram encontradas similaridades de menos de 80%. 45 delas (9%) mostraram uma pontuação corresponde entre 80% e 90%.

Xie Shaoyun, fundador do Netta Lab, disse que em vez desses projetos concentrarem-se em desenvolvimento eles preferem apostar as fichas apenas em marketing.

“Muitos projetos blockchain mudam seu foco do desenvolvimento de tecnologia para o marketing, o que aumenta o número de ‘cópias’ neste campo”, enfatizou Shaoyun.

O executivo também criticou o que ele descreveu como uma falta de inovação tecnológica emergindo das indústrias de tecnologia de contabilidade distribuída.

“No momento, a indústria ainda carece do verdadeiro avanço na inovação e na solução de problemas, mas eles estão implementando seus negócios com uma mentalidade de ‘ir na sorte’”, salientou o executivo.

Shaoyun concluiu dizendo que “devemos voltar à essência, resolver os problemas práticos, fazer ferramentas que possam ser usadas pelos usuários com conveniência, criar valor real, usabilidade e, assim, promover o desenvolvimento da indústria”.

Copiar é humano, mas não é legal

“Copiar é uma parte intrínseca da natureza humana”, opinou o site 8btc, que também noticiou sobre o relatório e fez uma analogia ao Litecoin, a sétima maior criptomoeda em valor de mercado.

“Copiar códigos não é incomum no espaço, como por exemplo, a base de código do Litecoin, desviou-se muito do bitcoin. O problema é que muitas ‘falsas’ criptomoedas plagiam intencionalmente o código dos outros. Algumas chegam a ‘roubar’ o white paper de outras, prática comum entre golpistas”, opinou.


Compre Bitcoin no Celular

A BitcoinTrade é a melhor plataforma para operar criptomoedas do Brasil.
Compre Bitcoin, Ethereum e Litecoin com segurança e liquidez, diretamente pelo app.
Baixe agora e aproveite, acesse: www.bitcointrade.com.br